– Em sintonia com os limites da cidade –

Lista Completa

Brasil: Uma História Inconveniente (2000)

(Inglaterra, 2000, 46min. Direção: Phil Grabsky)

Enquanto todo o mundo conhece a história da escravidão nos EUA, poucas pessoas percebem que o Brasil foi, na verdade, o maior participante do comércio de escravos. Quarenta por cento de todos os escravos que sobreviviam à travessia do Atlântico eram destinados ao Brasil, quando apenas 4% iam para os EUA.
Chegou uma época em que a metade da população brasileira era de escravos. O Brasil foi o último país a abolir a escravidão, em 1888.
O documentário tem depoimentos dos historiadores João José Reis, Cya Teixeira, Marilene Rosa da Silva; do antropologista Peter Fry e outras pessoas que contam os efeitos de séculos de escravidão no Brasil de hoje. Este é um importante documentário sobre a história dos negros, história africana e estudos latinoamericanos.
(Filmakers Library)

Torrent (com legendas pt-br)

Mídia Independente em Tempos de Guerra – Independent Mídia in a Time of War (2003)

(EUA, 2003, 30min – Direção: Amy Goodman)

É com muita honra que postamos um dos mais importantes documentários para transformar o mundo em algo mais justo.

Amy Goodman, uma das cabeças da mídia independente “Democracy Now” – que transmite para mais de 800 TV’s e rádios alternativas – disseca formidavelmente a mídia tradicional americana no contexto da guerra.

Além disso, mais do que outro filme mostrando o obscuro papel da mídia, é um excelente alarme sobre o perigo de estarmos a mercê de um monopólio midiático, controlado por grupos e corporações com interesses muito distintos da população mundial.
Só para ter uma idéia, os canais FOX, MSNBC e a NBC pertencem a um dos maiores fabricantes de armas nucleares do mundo.
Mais importante ainda é que o filme é também um chamado para mudarmos esse panorama, para desafiarmos esse monopólio.

“Independent Mídia in a Time of War” é um documentário que todo jornalista honesto, todo estudante, todo ativista e toda pessoa com sede de informação deveria assistir.
“Nós temos que lutar por uma mídia independente”
(Comentário original: Docverdade)

Google Video

Download Torrent(Monova) – legendas pt-br

site Democracy Now!

South Of The Border / Ao Sul da Fronteira (2009)

(EUA, 2009, 77min. – Direção: Oliver Stone)

Imperdível!

Finalmente um dos documentários mais esperados do ano! Do aclamado diretor Oliver Stone, “South of the Border” é certamente um filme que irá fazer despertar muita gente!

A imprensa latino americana é por tradição alinhada com a norte americana. Se pensarmos que esses grupos na verdade fazem parte de um mesmo grupo internacional (mídia, petroleiras, farmacêuticas, bancos, etc.), que detém cerca de 80% de todos os canais de TV, das rádios, jornais e revistas do mundo ocidental, fica fácil saber o porquê desse alinhamento.

E não é difícil notar que esse grupo constantemente cria no imaginário coletivo, através de notícias, a ideia de que sempre estamos sendo ameaçados por alguma terrível nação ou ditador, que merecem, por isso, ser alvos de golpes de Estado e Guerras.

Mas, nos últimos anos, a América do Sul mudou radicalmente a forma de ver seus governantes. Apesar de 95% da mídia tradicional massacrar diariamente os presidentes “desobedientes” em relação às políticas dos EUA, todos contam com enorme apoio popular.

Provavelmente o mais desobediente de todos seja Hugo Chávez, e que por isso seja tão demonizado por quase toda a mídia internacional. Essa demonização veio arquitetada justamente por uma das personalidades mais odiadas do mundo: George W. Bush e toda sua equipe de Governo, ligadas às corporações.

O documentário visa justamente quebrar alguns dos mitos criados pela mídia oligárquica, e de desmascarar as mentiras noticiadas frequentemente e trazer uma mensagem de esperança rumo a um caminho que deixaria todos os países latinos muito melhores: A Integração.
(Comentários: Docverdade)

Opções de Download:
Torrent
ou
Rapidshare em 5 partes (juntar com Winrar): part1part2part3 part4part5

Legendas Pt-br

Beyond the Citizen Kane Muito Além do cidadão Kane
Reino Unido, 1992, 105 min – Direção Simon Hartog

O documentário mostra as relações estreitas que a Globo levava com a ditadura militar, mostra também as práticas de manipulação jornalística na cobertura de fatos, como por exemplo, a 1º manifestação das “Diretas Já” em que o “Jornal Nacional” mostrava a aglomeração na Praça da Sé como sendo uma comemoração do aniversário de São Paulo, e não como um movimento pelo fim da ditadura.

Mostra também o nível de envolvimento da Rede Globo na tentativa de fraude nas eleições de 1982 para impedir a vitória de Brizola no Rio de Janeiro e como a rede também manipulou a edição do debate das eleições de 1989, favorecendo ao candidato Collor e evitando o resultado que apontava Lula como vencedor. Mostra também como a Globo destruiu a que seria sua grande concorrente, a TV Jovem Pan, acabando com a sua parceira, a NEC.
Há depoimentos de várias personalidades, como Chico Burque, Leonel Brizola e Lula, entre outros.

A Rede Globo tentou impedir a veiculação do documentário no Reino Unido, mas não conseguiu, depois disso tentou comprar seus direitos autorais, mas também não teve sucesso. O governador de São Paulo, Fleury, demitiu o diretor do Museu da Imagem e do Som, que ousou apresentar o documentário em numa sessão.
Finalmente, conseguiu que o documentário fosse proibido no país. Mas a Internet veio a frustrar essa proibição. Hoje, milhões de downloads já aconteceram só no Youtube e no Google Video, sem falar nos outros meios, como Torrent, etc.

(Sinopse original do blog docverdade)

Obtenha o arquivo Torrent, clicando aqui.

Outfoxed – Guerra contra o Jornalismo

Se você realmente acredita que o que se fala nos noticiários é a verdade vinda de um trabalho jornalistico que procura melhorar a sociedade, você tem que assistir a esse documentário. Provavelmente sua impressão sobre o telejornalismo nunca mais será a mesma.

Outfoxed entrevista ex-jornalistas da Fox News e mostra o lado escuro por trás da notícias. Os interesses das grandes corporações e das oligarquias formando e controlando a “opinião pública”, transformando o jornalismo na chamada “imprensa marrom” liderada por Rupert Murdoch.

A Fox News não deixa de ser muito semelhante a nossa imprensa brasileira, também conhecida como o PIG (Partido da Imprensa Golpista).

“A mídia é o centro nervoso da democracia, se ela não funciona bem, a democracia não funciona”

GoogleVideo

Torrent – Legendas pt-po

Para saber o que é o PIG por Paulo Henrique Amorim –  parte-a parte-b – parte-c – parte-d

10 táticas para transformar informação em ação (2009)
(Reino Unido, 2009, 55 min – Direção: Tactical Technology Collective – http://www.tacticaltech.org)

Se você é um ativista e quer se utilizar das possibilidades vindas da internet e dos equipamentos digitais baratos, aqui vão 10 táticas para o infoativismo. As novas tecnologias estão enfrentando o monopólio da mídia tradicional (TV, Rádio e Jornais). Aqui vai um manual de como atuar como difusor de informação.
Ativismo, cooperação, criatividade, participação, engajamento, interação, mobilização, acessibilidade são algumas das características do infoativismo, que é a transformação da informação em ação. Ela utiliza-se das novas tecnologias que dão possibilidade a grande parte da população aceder à informação de uma maneira positiva.
A informação pode ser fundamental para as mudanças necessárias para a sociedade. Se a mídia tradicional não pode fazer o papel social, o infoativismo pode. 

Assista Agora no DotSub com as legendas pt-br (Mas tem que se inscrever)

ou

Torrent (Video em formato flv*)
– Legendas pt-br (separadas)

(*) Rodar em media-players como o GomMedia ou VLC

Café com leite (água e azeite?) (2007)

(Brasil, 2007, 30 min. – Direção: Guiomar Ramos)
Vencedor do Urso de Cristal em Berlim

Realmente existe uma democracia racial o Brasil? O documentário vai a fundo na questão da construção desse mito que impera no Brasil, que impede a conscientização e a luta por igualdade de direitos. Gilberto Freyre e Florestan Fernandes são referências que guiam a argumentação desse filme.

Dividido em seis partes, que se seguem:


Grass – Maconha (1999)

(Canadá, 1999, 80min. – Direção: Ron Mann)
O Governo dos EUA com o intuito de embasar sua repressão à maconha, encomendou estudos científicos que, por sua vez, acabaram sendo totalmente contrários à proibição. Nem precisamos dizer que, sorrateiramente, o próprio governo ignorou esses estudos.
Veja, nesse documentário, a evolução da legislação norte-americana no assunto durante um século, juntamente com os progressivos gastos do dinheiro público na sua repressão, e toda uma população de milhões de pessoas nos EUA que foram presas graças à essa desinformação.

Esse documentário é também uma ótima oportunidade de se entender como os conservadores fazem política.

Download Megaupload em 5 partes: 1 – 2 – 3 – 4 – 5

Torrent
– Legendas pt-br – Subtítulos spa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s